Sobre nós

Sempre um passo à frente da perfeição

Descobre e aprende a história por de traz da Lusitania Network, o maior servidor de Minecraft de Portugal.

Lusitania Network Serve Logo Wallpaper - UtkuGurbuz.jpg

A Nossa História

Foi no dia 28 de Março de 2021 que o primeiro servidor de Minecraft do Portuguese Dream foi criado. Este servidor era do mais básico que havia, pois nem plugins tinha e era alojado no Aternos. No dia de lançamento, o co-owner da Lusitania, Eclipt_ juntou-se e ajudou a criar um SMP bem configurado. Após umas semanas, comprámos a primeira host paga, onde criámos um SMP com mais de 20 pessoas online simultaneamente. Mais tarde, em Setembro de 2021, com a evolução dos nossos conhecimentos, decidimos começar a criar o maior servidor de Minecraft de Portugal. Assim, comprámos uma nova host e atingimos os 30 jogadores online. No entanto ainda não era suficiente. Foi em Dezembro desse ano que tivémos a oportunidade de ganhar muito dinheiro e criar o maior servidor de Minecraft de Portugal. Foi apenas no fim de março  (20/03/2022) que esse dinheiro chegou, vindo de um concurso, e comprámos, no dia seguinte, um computador com 64GBs de RAM e um intel i9 12900k que viria a ser o servidor da Lusitania. Depois de meses a fio a configurar o servidor, é com grande orgulho que abrimos o maior servidor de Minecraft português que está aberto hoje, amanhã e nos próximos anos.

História da Lusitania

Talvez não saibas bem a história da Lusitania, o Portugal de antigamente. Assim, decidimos fazer uma pequena história a contar a história da Lusitania, em verso:

 

Milénios antes do nobre Portugal

Numa província reinada p'lo matagal

Surge um novo reino sem companhia

O erudito reino da Lusitânia

 

Rodeado pelas praias mais lindas

Coberto pelas folhas mais estupendas

Criadora da lenda e do burguês

O grande berço do português

 

Grandiosa era esta nação

Aquando da conquista romana

Que tantas vezes fracassou

A conquistar a planície lusitana

 

Legião ambiciosa que tanto conquistou

Legião ronhosa que tanto enganou

Civilização conquistadora que tanto viajou

Civilização culta que tanto partilhou

 

Chegando à Lusitânia reparou

Que tal província não desistiria

Com grande espanto encontrou

Grandiosos lutadores que tantas vezes a derrotaria

 

Ergamos as falcatas e lutemos

Pois aproxima-se legião vermelha tirana

Preparemos as emboscadas e pelejemos

Que defenderemos a nossa província lusitana

 

Só a mentira nos derrotaria

Só o dinheiro nos compraria

Apenas a promessa manhosa romana

Conquistaria a província lusitana

 

Numa noite escura como breu

Um traidor iludido pelo dinheiro

Estacou o punhal no companheiro

E o líder Viriato faleceu

 

Exército sem líder não conquista

Exército sem líder não resiste

Província sem poder cai

Sob os pés imperiais

 

Heróis do mar que tanto viajaram

Navegadores valentes que tanto sacrificaram

Nobre povo que nunca desistiu na história

Levantai a bandeira e caminhai à vitória!
 

Conhece a Equipa